​Mudanças do Facebook do nosso amigo Mark Zuckerberg e como adaptar-se a estas mudanças

olá! Tudo bem?

Acompanhando as mudanças anunciadas do Facebook, achei legal escrever esse pequeno artigo com alguns itens que depois, pretendo atualizar este mesmo artigo detalhando mais sobre cada um destes 13 tópicos. Se você quiser pode contribuir com isso escolhendo o item que você quiser comentar, que usaremos seu comentário para incluir neste artigo. Valeu?

Mudanças do Facebook do nosso amigo Mark Zuckerberg e como adaptar-se a estas mudanças:

1. Mais visibilidades aos posts e conteúdos sobre as pessoas;

2. O principal foco do Facebook é para conexão de pessoas e não de negócios entre pessoas;

3. A interatividade entre pessoas é a prioridade do Facebook para 2018;

4. Aumentará a visibilidade de postagens feitos por pessoas com conteúdos pessoais.

5. Temos 1.7segundo para chamar atenção das pessoas no feed de notícias;

6. Os posts dos perfis serão mais aliados pelo Facebook que as páginas no modo orgânico;

7. Para promover nossos negócios no Facebook, teremos que investir o Facebook Ad;

8. Promover mais seus negócios com Lives é um bom caminho para promover nossos negócios organicamente no Facebook;

9. Não podemos esquecer dos conteúdos relevantes em texto e vídeo nativo. Ou seja, postar o vídeo direto e não o link do YouTube.

10. Alcance em postagens orgânicos vão cair cada vez mais.

11. Invista no Facebook Ads, podendo começar com $50,00 por mês. Você com $10 em um post, isso pode lhe trazer $250 em uma venda de um info-produto por exemplo;

12. Mude seu MindSet empreendedor;

13. Faça Lives com um bom roteiro e conteúdo, com tempo entre 20 minutos e 1 hora.
Abraços,

Robson Campos

Facebook.com/robsoncampos360

Me siga, curta e compartilha aí pra dar uma moral.

Anúncios

2 comentários sobre “​Mudanças do Facebook do nosso amigo Mark Zuckerberg e como adaptar-se a estas mudanças

  1. Realmente o item 2 é o que mais reparo que as pessoas não tentam compreender.
    Vejo muitas pessoas reclamando que o facebook “é ruim”, que só quer “atrapalhar as vidas das pessoas”, mas o que elas nunca se dão conta, é que toda dificuldade só existe para quem visa vender na rede social.
    Uma rede social não é um mecanismo de compra e venda, mas sim de interação entre pessoas.
    Mesmo que exista a opção de anúncios, este não é o foco da empresa, é apenas um recurso necessário para que a mesma continue “faturando”.
    Como as pessoas se aproveitaram muito gerando exagerada poluição visual, nada mais justo que dificultar este trabalho. Como consequência, quem fazia um trabalho de qualidade é afetado, mas aí está apenas mais um degrau a ser superado.

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s