Descubra os 4 tipos de demandas e seus impactos nas vendas

Entenda os tipos de demandas

Não dá para falarmos sobre negócios sem analisar os tipos de demandas que geram o aumento ou a diminuição da busca pelo seu produto/serviço no mercado.

A demanda de mercado representa a quantidade de clientes que desejam comprar o seu produto/serviço em um determinado período. Entendendo isso você conseguirá identificar quais são os tipos de demandas que o seu negócio se encaixa.

Você precisa entender os fatores que influenciam na sua demanda para ter um controle de custos, programar melhor as suas vendas e estabelecer uma previsão de receita em um certo período.

Antes de seguir para os tipos de demandas e como elas se comportam nas empresas, entenda algo: o seu negócio pode ter uma ou mais tipos de demandas. Tudo isso vai depender dos produtos que você comercializa.

Quais são os tipos de demandas?

Cada negócio possui a sua demanda específica e cabe ao profissional estudar qual é a melhor forma de abordar o seu cliente. Para você entender melhor, confira os tipos  demandas e como ela reage nos diferentes cenários.

1. Demanda indesejada

A demanda indesejada é quando determinado produto ou serviço faz mal a saúde e existem pessoas interessadas Ele deve ser desestimulado a consumir: cigarros, drogas, armas, etc;

2. Demanda sazonal

A demanda sazonal se refere a um dado período um produto ou serviço é muito procurado só que nos outros ele não é procurado. A solução nesse caso é focar nos períodos em que as vendas são baixas com o redesenho do produto ou serviço.

3. Demanda plena

A demanda plena é controlada, porque nesse caso, a demanda e a oferta estão balanceadas e o produto ou serviços se tornou parte da vida das pessoas. Exemplos: alimentos perecíveis, produtos de higiene pessoal, internet. Resta ficar ligado para identificar quando esse controle pode ser comprometido;

4. Demanda excessiva

A demanda excessiva é descontrolada, porque aqui a demanda é maior que o produto ou serviço disponível. O papel do profissional nesse caso é subir o preço para atender a um público mais rentável. Exemplos: ingressos de festas ou torneios esportivos.

Quais são as variáveis que afetam a procura de um produto?

Entender quais são os fatores que influenciam a escolha de compra do seu cliente é importante para você garantir um preço competitivo.

Preço do seu produto

O valor do seu produto interfere nas suas vendas. Você precisar ter cuidado para não precificar abaixo do seu concorrente ou acima da média de mercado.

Considere se a sua mercadoria pode ser substituída ou é essencial e que o seu cliente estará sempre comprando.

Por isso sempre pense no seu diferencial quais são os produtos que só você irá comercializar o seu nicho de atração.

Além disso, lembre-se também de avaliar se o aumento de renda do seu produto está dentro do aumento que o seu cliente ganhou. Muitas vezes, o aumento salarial não supera o reajuste inflacionário de determinado período.

Preços dos concorrentes

Em sua estratégia de precificação considere os valores praticados pelos seus concorrentes.

Capacidade de compra do seu cliente

A renda dos seus consumidores interfere diretamente na capacidade que ele tem de adquirir o seu produto.

Vamos imaginar que você venda produtos de perfumaria e lá na gôndula tem várias marcas caras.

No entanto, o seu negócio está instalado em um bairro com público classe C e D. ficará difícil você atrair e manter esse público  por causa de suas condições econômicas.

Por isso é importante você saber como irá posicionar o seu negócio e como atrair e manter esses clientes comprando de você.

Disponibilidade de crédito

Outro ponto que compromete a sua demanda é a capacidade de disponibilizar créditos para o seu cliente comprar algo de você.

Verifique se realmente existe essa necessidade, pois, em tempos do cartão de crédito o crediário acaba não sendo muito vantajoso — risco de inadimplência.

Por outro lado, se o seu objetivo for atrair por esse diferencial, cuidado e tenha uma política de aprovação de crédito restrita e pautada nas consultas nos órgãos públicos.

Além disso, se os bancos estiverem concedendo muito crédito aumentará também as demandas dos seus produtos e você precisará se planejar melhor.

Dependendo do posicionamento da sua empresa os tipos de demandas poderão ser indesejada, sazonal, plena e excessiva. Tudo deve ser avaliado e mensurado para assim você planejar melhor e lucrar ainda mais com as suas vendas.

Quer saber mais sobre os tipos de demandas? Ficou alguma dúvida sobre os fatores e deseja sugerir mais algumas variáveis? Conheça o Programa Gestão 360, saiba como vender mais e aproveitar as demandas da melhor forma em seus negócios.  

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s